Você provavelmente já deve ter percebido que o termo marketing de conteúdo têm sido cada vez mais comentado, e possivelmente está procurando saber mais sobre o tema, certo?

Se sim, então você está fazendo parte de um grande grupo de pessoas que já percebem a importância e valor dessa nova prática e está correndo atrás de respostas!

Mas, se você ainda não domina muito bem e não sabe exatamente o que é marketing de conteúdo, de fato, continue lendo o texto que abordaremos as definições e resultados que o marketing de conteúdo pode gerar.

Vamos nos esforçar para fazer isso em poucas palavras…Vamos lá?!

Afinal de contas o que é marketing de conteúdo?

O marketing de conteúdo é basicamente um processo que une as técnicas do marketing convencional com o poder de entrega de um conteúdo de qualidade e relevante para o público-alvo.

Percebemos hoje que um conteúdo bem embasado e educativo é capaz de atrair interessados que se identificam com a marca e valores, os transformando em clientes e também fidelizando os clientes antigos, com a criação de um “relacionamento aberto” gerando e mantendo a recorrência de renda.

Nada melhor que isso né? Gerar clientes engajados e ainda manter o relacionamento com os clientes que você tanto investiu para conseguir!

Você deve estar se perguntando: Relacionamento aberto?!

Pode soar estranho esse termo, mas é basicamente isso!

Hoje em dia, os clientes estão cada vez mais exigentes e pesquisam muito antes de tomar qualquer decisão. São eles os donos da vez!

Aquela relação de “fidelidade” que existia décadas atrás mudou, então, para manter o seu cliente cativo e fiel a sua marca, percebendo vantagens na relação, você vai precisar demonstrar valor e deixá-lo livre decidir!

Diferente do marketing de massa, usado nos primórdios da relação cliente – fornecedor, que visava atingir o maior número de pessoas possíveis com a mesma mensagem, o marketing de conteúdo é hoje o processo mais eficaz e inteligente!

Por que ele pode ser considerado eficaz e inteligente?

Qualquer empresa antes de iniciar a atividade tem (ou deveria ter) bem claros os seus pilares de missão, visão e valores e a partir disso, para ser bem-sucedida deve ter também bem definida a persona a quem oferece benefícios!

Ualá! Eis que estamos falando em uma segmentação de pessoas. E mais precisamente sobre seu cliente ideal.

Realmente não tem como falar em marketing de conteúdo sem falar em segmentação de pessoas.

As pessoas são diferentes, têm interesses diferentes e por isso a comunicação e entregas tem que ser diferentes e únicas também!

Com um conteúdo pensado e feito sob medida para determinada persona, existe um encurtamento no processo de decisão, pois com maior facilidade e rapidez o “cliente” já se reconhece dentro da marca e se sente seguro!

Como funciona o processo?

Como todo processo é dividido em atividades, não podemos deixar de citar as fases essenciais do marketing de conteúdo:

Criar, publicar e promover os conteúdos de acordo com as demandas das personas.

Através dessas atividades, esperam-se os principais resultados que são: atração, captação e fidelização dos potenciais clientes e promotores da marca!

Quais os tipos de conteúdo?

Depende…

Podem ser artigos, e-mails marketing, vídeos, podcasts, webinários, e-books…

Desde que entreguem valor e estejam cumprindo os objetivos de atrair, captar e fidelizar o seu público-alvo!

A junção entre as técnicas de marketing e conteúdo são a nova realidade de quem realmente deseja manter e aumentar o seu faturamento e visibilidade exponencialmente!

Através da qualidade e relevância da produção de conteúdos a empresa sobe de nível adquirindo assim uma autoridade, não apenas no mundo virtual com o SEO, mas também para o O2O.

E aí, está esperando o que pra traçar sua estratégia e gerar seus clientes engajados?!

Gostou desse post sobre o que é marketing de conteúdo? Então deixe seu comentário e continue nos acompanhando!

Deixe uma resposta

Fechar Menu